fbpx

voltar Criatividade 02/12/2019 Você vai morrer

Este é o primeiro texto, desde que comecei a #segundadacriatividade, que não tem no título uma pergunta. Por uma razão bem simples: pelo menos até agora, o ser humano não conseguiu transformar a certeza da morte em uma dúvida, e apesar de todos os avanços, isso ainda está muito longe de acontecer.

Num dos vídeos mais conhecidos no youtube de Gary Vee, milionário e guru do marketing, ele está no banco de trás do carro parado e uma fã aparece para bater uma selfie. Enquanto ela tira a foto, pede para ele três palavras, para motivá-la, para trazer inspiração para o dia de trabalho dela. E Gary diz: “Você vai morrer.”

Você vai morrer. E essa deveria ser a maior motivação da gente para querer construir alguma coisa para um futuro, breve ou distante. Deveria ser o ponto de partida para pensar em como eu poderia ser mais produtivo hoje e durante esta semana. A gente vai morrer. E, no final, segundo Gary, o que conta é o número de pessoas que você conseguiu fazer feliz. Cada dia que a gente deixa de fazer as outras pessoas felizes é um dia a menos para que isso aconteça.

Por isso que o próprio Gary defende que a pior coisa que existe no mundo é remorso. Remorso é veneno, segundo ele. Você vai morrer. Não vale a pena envenenar seu futuro com coisas ruins que aconteceram no passado.

 

Boa semana!

#SegundaDaCriatividade #BomDia #BelasLetras

 

@guertlergustavo não é filósofo, não é psicólogo, não é palestrante, não é coach, não é guru do marketing, além de não ser mais um monte de coisas. Ele é gente, apenas – e às vezes vai para a Belas Letras trabalhar também.

Criatividade
09/12/2019

O que você aprendeu este ano?

Criatividade
06/12/2019

Para não ficar parado

Criatividade
27/11/2019

Eu sou a Mari e eu mudei

Criatividade
16/09/2019

Emprego de merda

Criatividade
18/11/2019

Que tal agradecer AGORA?

Criatividade
11/11/2019

Por que ler + ?

Criatividade
04/11/2019

Que paixões te guiam?

Criatividade
28/10/2019

O que é deixar uma marca no mundo?

Criatividade
21/10/2019

Você não é insubstituível